Este blog contém posts e comentários.

Este blog recebe e agradece as visitas desde Fev/2009.

Contador de visitas

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

NÃO, NÃO, e NÃO.

NÃO, NÃO, E, NÃO!





Não é que eu seja ruim, miserável, mão de porco, e outros tantos adjetivos que ouvimos durante toda nossa vida terrestre, mas, dizer não é sempre necessário e nos tira de muitos equívocos desta vida.


O filho se acidentou com o carro porque o pai não disse “não” a pergunta básica da família: “Pai me empresta o carro?”.

A filha chegou em casa chorando porque foi violentada na rua porque a mãe não disse “não” a pergunta chorosa da filha: “Mãe, posso ir à balada com minhas amigas? Volto cedo! Ah, mãe, deixa? Por favor!” (tem que ter um coração de aço, pra dizer “não”. Concorda?)

O seu cãozinho de estimação foi atropelado e morreu, porque quando sua esposa (cansada de recolher as fezes do animal espalhada pelo quintal) disse que ia solta-lo à rua para passear um pouco (sozinho) você não disse “NÃO” (ficou com dozinha do cão)

O mendigo a quem você deu dinheiro (você é generoso), comprou droga e entrou em crise, atravessou a avenida mais movimentada da cidade na hora de rush, foi atropelado e morreu porque você não disse “não” quando ele disse: “Irmão, me dá uns troco pra comprar um almoço? Porque você (generoso que é) não foi a um restaurante e pagou o almoço dele, ao invés de lhe dar dinheiro?

Nós negócios devemos estar sempre preparados e saber dizer “não” de forma sutil ao negócio que não se realiza.

Sem levar para o lado pessoal, dizer “não” ao negócio proposto pelo cliente que não tem renda ou patrimônio compatível com o negócio. O “não” é para a proposta, não é para o cliente.

Temos várias formas de negociar com nossos clientes. A resposta para a proposta apresentada é “não”, mas isso não significa de forma alguma “não” para o cliente. Vamos negociar nova proposta?

Negocialmente falando, dizer “não” pode significar “adeus” para o cliente.

Mas, vá preparado para dizer o “não”.

Você tem algo que pode interessar ao seu cliente, que não seja a proposta apresentada?

Não se envergonhe de dizer “não” ao seu cliente, ou terá que se envergonhar mais tarde de enviar o nome dele para o Serasa, SPC, MP, etc.


Dizer “sim” é para os fracos.

 

Dizer “não” é para os fortes.


Nós estudamos, aprendemos, pesquisamos e nos preparamos para dizer "não", pois dizer "sim" é fácil. Dizer "não", sem ferir o ego, sem perder o amigo, é para poucos! Temos várias maneiras de dizer "não", escolha uma e espalhe o "não" por aí, e seja muito feliz"



"- Me empresta R$2.000,00 até segunda?"

 Visualizações:
acesso gratis
LER O ARTIGO COMPLETO...

testando funcionalidade http://whos.amung.us/showcase/

estatistica em teste: whos.amung.us

?


AVISO ”A partir do ano 2017 todos os comentários somente serão respondidos se for indicado endereço de "email válido" para resposta, em virtude do grande número de solicitação de informações já postadas nos artigos!...”